quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

             O REACIONARISMO ORGULHOSO

Cidade do Salvador, Baia de Todos os Santos vista do Elevador Lacerda 
 
Precisamos entender o conservadorismo do eleitorado do Estado de São Paulo [1] para entendermos casos similares como a vitória do DEM em Salvador ao eleger o Prefeito ACM Neto. 

Existe um conservadorismo disseminado no Estado de São Paulo pois mesmo sem água para beber ou tomar banho os paulistas reelegeram Geraldo Alckmim, o Picolé de Xuxu, para governador. 

Só uma ideologia muito forte sustenta o PSDB mandando em São Paulo por 20 anos, atacando o bolso dos paulistas com os pedágios mais caros do mundo, fazendo-os penar sem água e assistindo o Estado declinar economicamente e perder influência.

Na Bahia o falecido senador ACM foi o cappo de tutti capi durante quase quarenta anos. Em Salvador a família do falecido senador é o equivalente do PSDB em São Paulo e a réplica perfeita do que significa a família Sarney para o Maranhão. 

Mesmo com o avanço da esquerda em 2002 com a vitória para a eleição presidencial e a derrota subsequente do manda-chuva na Bahia o Neto do Soba baiano foi eleito prefeito na última eleição em Salvador, 2012, derrotando o candidato do PT Nelson Pelegrino por mais de 100 mil votos, uma diferença que torna indiscutível a liderança do vencedor.

Os diminutos bairros de classe média votaram maciçamente no candidato do DEM. Até aí é compreensível pois o que ele prometia fazer na cidade só melhoraria largamente estes bairros em detrimento dos bairros da periferia. Contudo, causa espanto é o fato de o herdeiro político do Soba ter sido muito bem votado nos bairros populares, que o elegeram - pois não existe classe média sociologicamente significativa em Salvador. 

Que ideologia ampara o PSDB em São Paulo, o  DEM  e o Neto do "Rei do Grampo" em Salvador? Não tenho dúvidas que o antipetismo dos paulistas é expresso no mais elementar do que defende a direita, por exemplo, o reacionarismo segregacionista, a ojeriza à universalização de direitos, muito conservadorismo e possivelmente racismo.

Com a eleição do Neto do Soba em Salvador o conservadorismo mostrou sua face renitente e a cidade caminha para ser uma réplica de São Paulo no Nordeste. A população de Salvador posicionou o prefeito do DEM por duas vezes como o mais bem avaliado do Brasil [2]. Onde menos se espera há quem ache o máximo ser reaça, racista e conservador.

O papel das ideologias conservadoras como sustentáculo dos partidos de direita dando-lhes fôlego para resistir às mudanças encetadas pelo PT merece estudo metódico de algum acadêmico de ciência política. 

Enquanto a pesquisa não for feita cabe inicialmente distinguir para identificá-las nos eleitores e no discurso dos candidatos que ideologias de esquerda são universalistas, solidárias, pacifistas; ideologias de direita são exclusivistas, xenófobas, insensíveis ao outro, apelativas à violência e sombrias.

O racismo tem todas as características de uma ideologia de direita porque é uma ideologia de direita. Não existe racismo de esquerda, racismo bonzinho.

 

O papel desempenhado pelos meios de comunicação nesta doutrinação conservadora do eleitorado também precisa ser averiguado pois não é por coincidência que o reacionarismo, o conservadorismo refratário a mudanças dos eleitores é o mesmo divulgado pelos meios de comunicação, muitas vezes acusados de veicularem mensagens preconceituosas e racistas. 


Precisamos entender com base em fatos como o conservadorismo, a ideologia oficial da direita e suas variantes, entre elas o racismo, pode engolfar até mesmo suas vítimas.

Notas


5 comentários:

  1. O Luiz Brasileiro, eu sou Baiano de Candiba perto de guanambi e vim morar em jundiaí SP. Todo ano vou passear aí. O que eu posso dizer é que nos estados que o PT governa as pessoas saem e vão para SP, aqui o governo deixa a desejar e tem muitos defeitos e problemas, mas quando as pessoas saem do nordeste e vem para SP, aqui a gente aprende uma lição de vida, nossa mente fica mais aberta. Por isso digo que o PSDB ta ruim, mas o PT aqui em SP não entra nem ferrando, pode tomar de conta de alguns estados que ainda tem aquelas pessoas que vivem num mundinho sem contato com com mundo afora (pessoas com tapa), mas aqui entregar o estado a uma quadrilha aí não dá.

    ResponderExcluir
  2. O Luiz Brasileiro, eu sou Baiano de Candiba perto de guanambi e vim morar em jundiaí SP. Todo ano vou passear aí. O que eu posso dizer é que nos estados que o PT governa as pessoas saem e vão para SP, aqui o governo deixa a desejar e tem muitos defeitos e problemas, mas quando as pessoas saem do nordeste e vem para SP, aqui a gente aprende uma lição de vida, nossa mente fica mais aberta. Por isso digo que o PSDB ta ruim, mas o PT aqui em SP não entra nem ferrando, pode tomar de conta de alguns estados que ainda tem aquelas pessoas que vivem num mundinho sem contato com com mundo afora (pessoas com tapa), mas aqui entregar o estado a uma quadrilha aí não dá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Zé Almeida tu é um fanático; se dependesse de pessoas como você estaríamos ainda convivendo com a escravidão, não teríamos capitalismo industrializado, CLT, sindicatos, partidos de esquerda, nada. Você nasceu na Idade errada, nasceu na Idade Moderna quando deveria ter nascido na Idade Média. Portanto, antes de ficar contra o PT reclame do seu pai e de sua mãe por este erro...

      Você sem dúvidas usa os antolhos que lhe foram colocados aí pois nasceu no Nordeste, tem a obrigação de ser inteligente, mas é lamentável que tenha absorvido o pior de um Estado que já foi a vanguarda da industrialização do Brasil quando deveria ser engajado no fortalecimento do mercado interno com distribuição de renda por melhores salários, programas sociais, tributação dos ricos, mais igualdade entre as Regiões e mais direitos sociais.

      Mas olha o que é o sujeito receber um par de antolhos e usar com orgulho: se tornou um medíocre a repetir as baboseiras contra os programas do PT que melhoram mais justamente a Região onde você diz que nasceu, o Nordeste.

      Peça a morte que chegue logo e peça também para nascer na Idade certas pois não é motivo de orgulho ser a vanguarda do atraso, do conservadorismo e do ódio contra nordestinos, que você deve sofrer mas como burro de carga suporta sem maiores problemas.

      Seja muito feliz com seus antolhos e para completar dispense o salário, o fim de semana remunerado, as férias, as horas extras, enfim, a CLT, que os caras da FIESP irão gostar imensamente de ter um puxa-saco tipo exportação.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir